Blog Sertão Poeta, Anuncie!

terça-feira, 27 de janeiro de 2015

Cordel Whatsapp

Imagem da Net

LITERATURA DE CORDEL
*** Whatsapp ***
Esse tal de “Zap Zap”
É negócio interessante
Eu que antes criticava
Hoje teclo à todo instante
Quase nem durmo ou almoço
E quem criou esse troço
Tem uma mente brilhante.
Quem diria que um dia
Eu pudesse utilizar
Calculadora e relógio
Câmera de fotografar
Tudo no mesmo aparelho
Mapa, calendário, espelho
E telefone celular.
E agora a moda pegou
Pelas “Redes Sociais”
É no “Face” ou pelo “Zap”
Que o povo conversa mais
Talvez não saiba o motivo
Que esse tal de aplicativo
É mais lido que os jornais.
Eu acho muito engraçado
Porque muita gente tem
Um Grupo só pra Família
Um do Trabalho também
E até aquele contato
Que só muda de retrato
Mas não fala com ninguém!
Tem o Grupo da Escola
O Grupo da Academia
Grupo da Universidade
O Grupo da Poesia
Tem o Grupo das Baladas
Das Amigas Mais Chegadas
E o da Diretoria.
Tem quem mande Oração
“Bom dia!”, de vez em quando
Que só mande figurinhas
Quem só fique reclamando
No Grupos é que é parada
Dia, noite, madrugada
Sempre tem alguém teclando.
Cada um que analise
Se é bom ou se é ruim
Ou se a Tecnologia
É o começo do fim
Talvez um voto vencido
Porém o Zap tem sido
Até útil para mim.
Eu acho que a Internet
É uma coisa muito boa
Tem coisas muito importantes
Porém muita coisa à toa
Usar de forma acertada
Ou, por ela, ser usada
Vai depender da pessoa.
Comunicação é bom
Vantagens que hoje se tem
Feliz é quem tem amigos
Fora das Redes também
A vida só tem sentido
Quando o que é permitido
É aquilo que convém.
Pra quem meu verso rimado
Acabou de receber
Compartilhe esta mensagem
Que finaliza a dizer:
“Viva a vida intensamente
Porque é pessoalmente
Que se faz acontecer!”
Autora: Izabel Nascimento
Aracaju-Sergipe
Fonte: Site Mundo do Cordel


quinta-feira, 15 de janeiro de 2015

Saudade

Imagem da Net

Saudade – Os Nonatos

O STRESS CONTRIBUI
PARA PRESSÃO HIPERTENSA
A PESSOA DEPRESSIVA
À SOLIDÃO É PROPENSA,
E A MEDICINA NÃO TRATA
SAUDADE COMO DOENÇA

QUEM SENTE SAUDADE INTENSA
QUANDO A DISTÂNCIA SEPARA
CARREGA O PEITO DE ANGÚSTIA
E TRISTE O CORAÇÃO DISPARA
E A SAUDADE ABRE FERIDA
QUE SÓ O REENCONTRO SARA

ELA EXPÕE NA NOSSA CARA
A FOTO DO SOFRIMENTO
COM A TINTA DA TRISTEZA
NA FOLHA DO SENTIMENTO
A DOR ESCREVE SAUDADE
COM "S" DE SOFRIMENTO

 PROVOCA ENVELHECIMENTO
TRISTEZA E DESESPERANÇA
OS SINTOMAS SÃO OS MESMOS
EM VELHO, JOVEM OU CRIANÇA.
VÍRUS DO HACKER DO TEMPO
QUE DELETA NA LEMBRANÇA

A SAUDADE NÃO SE CANSA
DE GARGALHAR DE QUEM CHORA
NÃO É DOR QUE UM COMPRIMIDO
AJUDA A PASSAR NA HORA
É UM BANZO QUE A PESSOA
SÓ VENDO A OUTRA MELHORA

NINGUÉM SABE ONDE ELA MORA
MAS VIVE EM TODO LUGAR
QUEM AMA SENTE DESEJO
DE VER, OUVIR E TOCAR.
GOSTAR SEM SENTIR SAUDADE
É MESMO QUE NÃO GOSTAR!

TODOS QUE CONSEGUEM AMAR
SÃO PORTADORES SUSPEITOS
NAS CARTAS, NOS TELEGRAMAS,
NOS TELEFONEMAS FEITOS
SERIA RICA A SAUDADE
SE COBRASSE SEUS DIREITOS

A DOR DOS SONHOS DESFEITOS
FAZ A SAUDADE EXISTIR
NINGUÉM ROMPE UM CASAMENTO
COM QUEM GOSTA SEM SENTIR
SAUDADE NAQUELAS HORAS
QUE SE DEITA PRA DORMIR

SUA VOZ NÃO POSSO OUVIR
SEU ROSTO É DESCONHECIDO
QUEM DIZ QUE NÃO TEM SAUDADE
PERDENDO UM ENTE QUERIDO
PODE ATÉ FICAR SEM SONO
MAS SEM SAUDADE EU DUVIDO

ELA NÃO TOMA PARTIDO
NEM FAZ DISTINÇÃO DE AMANTE
UM TEXTO SEM TER AUTOR
E UMA IMAGEM CONSTANTE
NA TELEVISÃO DOS OLHOS
DE QUEM SE ENCONTRA DISTANTE

ÀS VEZES POR UM ROMPANTE
A GENTE ACABA UM AMOR
NO OUTRO DIA A SAUDADE
PONTO FINAL NÃO QUER PÔR
E O SAL QUE COMEÇA O NOME
TEMPERA O GOSTO DA DOR

ESTUDA O INTERIOR
DA ALMA QUE SE APAIXONA
ENTRA SEM PEDIR LICENÇA
E TOMA CONTA SEM SER DONA
SEM AVISAR PÕE NA MIRA
E SEM PIEDADE DETONA

MEU CORAÇÃO DEU CARONA
SEM QUERER E ELA ENTROU
A ENCHENTE DOS MEUS OLHOS
HÁ MUITO TEMPO SECOU
E TRAGO NO PEITO UM INCÊNDIO
QUE A SAUDADE COMEÇOU

ELA TOCA QUEM AMOU
E VIU QUE AMAR VALIA A PENA
NOS HALL DAS GRANDES PAIXÕES
NÃO TEM SAUDADE PEQUENA
E RECAÍDA DE SARAMPO
É DEZ VEZES MAIS AMENA

CORPO E ALMA ELA ENVENENA
DE QUEM SOFRE O ABANDONO
QUANDO ELA PEGA PESADO
NO MÁXIMO OS OLHOS DO DONO
NAS 12 HORAS DE NOITE
TEM 10 MINUTOS DE SONO

EU NÃO XEROCO NEM CLONO
DA SAUDADE AS DIGITAIS
SOMBRA DOS APAIXONADOS
CARMA QUE AFLIGE OS CASAIS
E O MAL QUE ELA FAZ AOS CORPOS
NEM TUBERCULOSE FAZ